Carolina Breda, Bresimar: ‘Sempre defendi que os meus talentos, os que eu giro todos os dias, são os melhores’

A empresária e gestora de Pessoas, como gosta de se apresentar, fala-nos de um tema sensível às organizações: atração e retenção de talentos, num artigo de opinião, publicado a convite da AIP.

‘No meu pensamento, a atração e retenção de talento só é passível de ser concretizada, se os mesmos forem geridos, através de um conjunto de esforços diários para que estes se sintam satisfeitos todos os dias’, afirma Carolina Breda, administradora da Bresimar Automação, SA, e também membro da Rede Mulher Líder.

‘Este conjunto de esforços só é possível numa organização se todas as direções departamentais estiverem alinhadas com a gestão de pessoas. Só este alinhamento torna possível que todos façam uma melhor gestão da sua equipa, criando uma alta motivação dos talentos. É esta motivação que permite que os mesmos estejam felizes na sua segunda casa.

Resumindo: é essencial todos saberem gerir talentos, todos estarem alinhados, e todos estarem de acordo com os valores e propósito da organização. Falo de “esforço” porque, no fim do dia, e da maneira como o mercado se encontra, é um esforço considerável tudo aquilo que temos de fazer todos os dias para demonstrar a nossa preocupação, gratidão, reconhecimento, disponibilidade, acessibilidade e satisfação.

É para mim difícil de compreender o que leva alguém a crer que, pessoas altamente motivadas, felizes, alinhadas com a estratégia e valores da empresa, saiam da organização onde se encontram.’


Aceda aqui ao artigo de opinião completo, publicado originalmente no site da AIP.